Possível acordo entre Vale e governo de Minas será tema de reunião realizada pela Câmara Federal

Nesta terça-feira (15), atingidos e atingidas pelo rompimento da barragem de Brumadinho participam de uma nova reunião realizada pela Câmara Federal. O encontro é uma iniciativa da comissão externa destinada a acompanhar e fiscalizar a negociação de possível acordo entre a Vale, o Estado de Minas Gerais e as Instituições de Justiça (IJs). O evento tem início às 18h.

Além dos parlamentares e da população atingida, também foram convidados representantes das três Assessorias Técnicas Independentes (ATIs) que atuam na Bacia do Paraopeba, Ministério Público Federal, Ministério Público Estadual, Defensoria Pública Estadual, Defensoria Pública da União e representantes das pessoas atingidas das cinco regiões da Bacia.

A proposta de acordo judicial em discussão tem sido pauta, ao longo das últimas semanas, e envolve negociações de valores bilionários pelos enormes danos e prejuízos causados pelo rompimento da barragem da Vale. O processo de negociação tem se dado sem a participação informada das pessoas atingidas pelo desastre, o que tem gerado críticas de comunidades e organizações.

Na quarta-feira (9), uma nova audiência de conciliação foi realizada no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). A pressão realizada pelas famílias impediu que o acordo fosse assinado nesse momento. “O acordo não foi fechado, o que é uma vitória para os atingidos e atingidas de toda a bacia, tendo em vista que a participação informada e o princípio da centralidade do sofrimento da vítima não têm sido respeitados pela empresa poluidora”, afirmou Ísis Táboas, da coordenação da Aedas, na ocasião. No entanto, Ísis explica que o acordo continuará sendo debatido, ainda sem previsão da participação dos atingidos. Representantes das Instituições de Justiça têm se reunido com representantes do estado de Minas Gerais e da mineradora com o objetivo de discutir o texto do acordo. Caso as negociações avancem, há o indicativo de uma audiência de conciliação na próxima quinta-feira (17).


(Foto: Antônio Cruz/Agencia Brasil)

© 2017 -  Associação Estadual de Defesa Ambiental e Social

Rua Frei Caneca, 139, Bonfim - Belo Horizonte / MG - CEP: 31.210-530