RETORNO DAS ATIVIDADES DO ESTUDO DE AVALIAÇÃO DE RISCO À SAÚDE HUMANA E RISCO ECOLÓGICO

O Estudo de Avaliação de Risco à Saúde Humana e Risco Ecológico (EARSHRE) que vem sendo desenvolvido pelo Grupo EPA (Engenharia de Proteção Ambiental) e Techinohidro, parte do processo de reparação e do acordo realizado em quatro de fevereiro de 2021, está planejando retomar as atividades de campo em breve.



O objetivo do estudo é identificar os riscos potenciais à saúde humana e ao meio ambiente devido à presença do rejeito no rio Paraopeba decorrentes do rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão. Serão realizados levantamentos, entrevistas, coletas de materiais, dados e análises, integrando três estudos diferentes: Estudos de Avaliação de Risco à Saúde Pública, Saúde Humana e Risco Ecológico. ​Para definir estratégias integradas de intervenção sobre o território atingido, propondo Planos, Programas e Medidas, um dos elementos do processo de reparação da bacia do rio Paraopeba.​


O cronograma das atividades inicia com entrevistas às lideranças, comunidades e aplicação de questionários e tem a previsão de 157 dias de duração. A previsão de conclusão de todas as fases do estudo é em Julho de 2023. Estamos no aguardo da divulgação do calendário por município e com as datas de todas as fases do estudo atualizado.

Recomendamos que as pessoas que receberem contato para participação no estudo tirem todas as dúvidas em relação aos objetivos e metodologia, sobre a entrevista e os dados que serão coletados, além de terem o direito de escolha a participar do estudo assinando ou dando a concordância de acordo ao Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE).


139 visualizações
  • WhatsApp Aedas
  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram